A melhor parte de ser desejante...

..é virar tentante!

Calma, calma, ainda não sou tentante, mas já temos uma previsão de começo.
Vocês conseguem imaginar a minha felicidade? Na verdade nem eu consigo e nem me sinto assim tão feliz, acho que ainda não caiu bem a ficha.
A questão é que, umas semanas atrás, eu cuidei da neném de uma amiga. Minha amiga ia fazer um curso o dia todo, então deixou a bebê dela de 2 meses comigo, por dois dias. Coisa mais linda do mundo né, me derretia a cada chorinho, bocejo, mexidinha, sorrisinho. Um amor, uma coisa linda sem tamanho.
Quando acabou o segundo dia e eu entreguei ela para a mamãe, me deu uma tristeza, pois eu sabia que no outro dia ela não viria, um vazio tão grande. Num momento de desespero falei pro meu excelentíssimo: "quero engravidar logo, não aguento maaaais, isso é torturante, quero engravidar em dezembro!"
E aí? A coisa ficou assim, um silêncio, não falamos mais nada. Depois de um tempo, um chorinho no canto, começamos a conversar. Não lembro muito bem tudo que falamos, na verdade não lembro de quase nada que eu disse, pois eu falava chorando, as palavras vinham com força e eu só dizia, não conseguia controlar. Depois de falar tudo (não falei sobre dezembro de novo) fiquei pensando em pedir um prazo, eu queria um prazo, precisava. Não aguentava mais aquele "quando for a hora certa", "falta pouco". Eu precisava de uma data, um mês, números hehe. Pensei em propor no meio do ano que vem...ao que ele me interrompe dizendo "uma vez tu falou em dezembro, hoje falou de novo...acho que dezembro é bom"............. silêncio.
Juro, não sabia o que responder, fiquei muda, com medo de falar qualquer coisa. Ele perguntou se eu concordava. E não vou concordar? Mas claaaro né.
Sabem, quando parece que a gente tira um peso das costas? Quando parece que se achou resposta pra tudo? Quando parece que tudo está se encaminhando? Foi tudo o que senti, com um misto de alegria e medo.

Imagem daqui

E é assim que estou até agora. Parei pra pensar e dezembro não é lááá no final do ano. É agora, agora no fim do ano, 4 meses, poucos dias. Cês tem noção disso? Confesso que to bem apavorada kkkkkk Me bate um medo de tudo. Será que tá certo? Será que é a hora? Será que vai ser de primeira? Será, será, será..
Muitas perguntas que não param mais de rondar minha cabeça. Mas também dá uma alegria saber que falta pouco, saber que ele também quer (sim, ele fala as vezes sobre dezembro, falou sobre o dia dos pais queria presente e tudo haha).

Como me disseram (beijo, Nana e Marayza) depois que passamos a ser tentantes, vemos tudo de forma mais clara e conseguimos entender toda fase de desejante.

E por falar nessa fase, como é bom né? Foi por ter essa fase que aprendi tanta coisa, conheci tanta gente, busquei informações e me empoderei. Todo dia é uma leitura nova, uma dica nova, uma informação. Estou todos os dias aprendendo mais sobre esse lance de gravidez e maternidade. Tanto já aprendi sobre o parto, tanta coisa sei que as pessoas vem me perguntar como sei de tudo isso. Graças aos meus quase dois anos de "desejante". Quem já foi, sabe como é, só queremos falar desse assunto, só pesquisamos sobre isso e é por isso que hoje agradeço tudo que sou, tudo que aprendi nesse tempo todo. Conhecimento nunca é demais, e o melhor é poder levar esse conhecimento para quem não tem ainda.

Me sinto tão bem agora, tudo passou, me sinto leve e ao mesmo tempo ansiosa/medrosa.

Agora acho que esse blog volta as atividades normais e espero que logo volte com A grande novidade, a grande espera.

Obrigada todas que me leem e que tiveram/tem paciência comigo nesse tempo todo.
Prometo compensar em breve.




10 comentários:

  1. E que dezembro venha voando junto com as nossas cegonhas!! :)

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Niii! Que lindo tudo isso, amiga!!
    Cuidar de bebezinho aflora muito o nosso lado materno mesmo! Eles são uma delícia, não tem como não querer um também, só pra nós, hehe
    Que bom que você conseguiu falar com o Andrei sobre o que sentia (mesmo que não se lembre muito, rs). Essa cumplicidade é fundamental - e muito gostosa também.

    Sabe que dezembro pode ser o meu mês de retorno às tentativas também?
    Vamos trocar figurinhas via face depois, tá? haha

    Ser desejante é realmente muito bom, aprendi demais também. Fora as amizades que surgem né? (que no meu caso não foi em todo tempo de desejante, porque não tinha blog, mas eu me sentia amiga de várias meninas, hahaha #aloka)

    Super beijo, querida!


    ps: não consigo receber suas atualizações no blogrrol ://

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Mari, to muuito feliz, mas ansiosa e com medo também. Mas sei que é normal hehehe

      Vamos ser colegas de barriga então? Ebaaaa, tomara!!!
      E nem fala, desejar tudo isso foi o melhor momento até agora, aprender tudo, conhecer todas as amigas, torcer por cada uma, cada coisinha é maravilhosa.

      Ué, que será que acontece? :(
      Beijoo

      Excluir
  3. Oiii torcendo por vc flor..
    Vai dar tudo certo!

    beijos
    Uma futura mamãe...
    http://escolhidospordeus1505.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainn obrigada. Vou visitar teu cantinho também.

      Beijooo

      Excluir
  4. Que legaaal!! O tempo voa mesmo! Quando for ver, ja é dezembro.
    Lembro quando decidimos tentar, foi num shopping e eu tinha que comprar o anticoncepcional naquele dia, naquela hora pq era pra tomar naquele dia.. Dai perguntei: posso comprar ou nao compro mais? Ele: nao compra mais.
    Me deu um frio na barriga!!!!! Uma loucura!!! E a primeira vez que fizemos sem protecao nenhuma tb me senti super esquisita.. Meio adulta, sabe?! Sei la! Ahahhha

    To aki acompanhando de pertinho!
    Beijocas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigadaa pelas palavras e pelo carinho. Vou lá conhecer teu cantinho para trocarmos experiências heheh

      Dá mesmo, um frio na barriga, um medo, mas uma felicidade enorme hehe

      Beijoo e acompanha mesmo, agora serão fortes emoções (eu espero haha).

      Excluir

Fique a vontade para comentar.
Respondo aqui mesmo.







Doce Feliz Espera Nicole Aquino. Todos os direitos reservados